15 de jun de 2010

Austen para Todos.

É uma verdade universalmente conhecida que um homem solteiro, possuidor de uma boa fortuna, deve estar necessitado de uma esposa.
Por pouco que os sentimentos ou as opiniões de tal homem sejam conhecidos ao se fixar numa nova locaidade, essa verdade se encontra de tal modo impressa nos espíritos das famílias vizinhas que o rapaz é desde logo considerado a propriedade de uma de suas filhas.

- Primeiro paragrafo do livro Orgulho e Preconceito, de Jane Austen.

É uma verdade universalmente conhecida que um anel forjado por um ser maligno, possuidor de um bom poder exercedor sobre outrem, deve estar necessitando ser jogado num vulcão.
Por pouco que os interesses ou vontades da Sociedade do Anel sejam conhecidos ao se juntar em uma nova missão, essa verdade se encontra de tal modo impressa nas atitudes dos seres deformados ao redor que o anel é desde logo considerado a propriedade de uma - ou todas - as hordas de inimigos.

- Entendo Boromir. Adoro o Gollum e Pippin é extremamente fofo.

É uma verdade universalmente conhecida que um loser orfão que dorme embaixo da escada, possuidor de habilidade de falar com cobras, deve estar necessitando de treinamento bruxo.
Por pouco que os interesses ou opiniões que a família adotiva tem sobre esta pessoa sejam conhecidas ao se juntar à magos e poções, essa verdade se encontra de tal modo impressa no destino desse loser e do arqui-inimigo dele que o aprendiz de feiticeiro desde logo é considerado o salvador da humanidade.

- Perdeu a graça depois do quarto livro, apesar do sexto falar sobre o melhor personagem, Severo Snape.

É uma verdade universalmente conhecida que um homem solteiro que brilha à luz do sol, possuidor de uma imensa fortuna e um volvo, deve estar necessitando de uma paixão obssessiva.
Por pouco que o interesse da outra vítima em se tornar uma aberração sejam conhecidos por seus pais ao se enamorar com tal rapaz, essa verdade se encontra de tal modo impressa em todos os membros da comunidade - sejam eles humanos, vampiros ou animagos lobos - que o rapaz é desde logo considerado propriedade da chata, e ela dele.

- Twilight seria melhor se o Robert Pattinson fizesse o Jasper e em vez de lobisomens, existissem zumbis em La Push.


Esse post não tem sentido algum, embora eu deva admitir que os livros assim transformados se tornaram extremamente interessantes (excluindo Senhor dos Anéis, visto que este já é interessante por si só).

3 comentários:

Anônimo disse...

hehehe ...

Daninha disse...

Ah, mais Harry Potter (pra mim) ainda é o melhor e nunca vai perder a graça *-*
Beijos

Catarina Fabi disse...

Eu acho Twilight muuuuito bom do jeito que é, acho que seria mais mórbito se no lugar de lobisomens fossem zumbis, e eu não consigo imaginar o Taylor Lautner como um zumbi, e nem o Robert como o Jasper.

Mas eu tenho que concordar que Harry Potter perdeu a graça depois do quarto livro, mas tenho que abrir eceção ao sétimo, não é po´r que é o último, mas ele depois do terceiro, é o melhor.

Seu poste éh bem interessante, parabêns...!!!!!