26 de jan de 2008

É só papel. Papel muito do caro.

Seria a maior mentira se eu falasse que dinheiro não é importante nas nossas vidas. Quer dizer, você precisa dele para se alimentar, se vestir e tudo mais. Mesmo assim, é meio cômico pensar que uma coisa feita de papel gere tantos problemas, discórdias e até guerras no mundo. Uma pesquisa recente apontou que o motivo da felicidade dos bem favorecidos é o dinheiro. Tá, tudo bem, não discuto nesse ponto. Mas será que sem o tal dindin eles seriam depressivos? Poxa, e quanto ao amor, amizade, diversão [gratuita]?! Acho que esses conceitos ficaram tão esquecidos no mundo moderno que parece que você precisa gozar de uma boa conta bancária pra ter um amor de verdade - o que totalmente você não vai ter, já que ele só vai estar interessado mesmo é no saldo da sua poupança. A verdade é que ninguém é feliz com dinheiro, nem sem o mesmo. A coisa é que, a cegueira humana tem vários modos de agir e encontrou nesse insignificante ser, denominado Real, seu lar. Daí as pessoas que perderam sua visão acham que suas vidas giram em torno dele. Muito triste, mas fazer o quê.


[Texto para o Tudo de Blog da Revista Capricho]

d-.-b {dirty harry - gorillaz}
Eu ia fazer um comentário aqui, mas daí esqueci. Então coloquei a música que eu tô ouvindo. Baah. Como eu sou autista, meu.

3 comentários:

Julie.in.Wonderland disse...

será que o texto ficou tããão ruim que não merece nem UM comentário?!
*dramática*

Lucas L³. disse...

Ah, páraaaa...
Well, eu gosto de dinheiro. Rs... De verdade. No entanto acredito que o dinheiro só contribui para a felicidade quando ele não é um dos únicos motivos pra que ela exista. Vejo o dinheiro como ferramenta e eu como o usuário dessa ferramenta e não o contrário.
Sobre o post do Geração Prozac, eu concordo plenamente acerca do "dolorosamente superiores". Acada degrau que se sobre e nos separa de quem está embaixo, mais dói e mais nos separa de quem está em cima, que não pára de subir. E isso em todas as áreas.
Beijos,
Lucas
[eu tenho trabalho daqui a cinco horas, aff]

Lucas L³. disse...

Em tempo:
Lendo a notícia no G1, em que a ex do Heathcliff, fala sobre ele e a filha, uma nem de carteirinha deixou o seguinte comentário:

"clecia|01/02/200819h27

Sempre é assim ............. é só ser rico, famoso, endeusam logo, ñ percebem q ele deixa um péssimo exemplo por ser um viciado..."

[visa só o nome da figura]
Preciso nem comentar acerca damodernidade do pensamento da infeliz, né? Agora só porque é famoso, rico, etc, perdeu o direito de ser gente, ter problemas? Aff...
Beijos,
Lucas