31 de out de 2007

...Bad Girls do Anything

Eu sou o exemplo vivo e falante de que blogs não são apenas refúgios para meninas boazinhas e sonhadoras. Não fui uma aluna exemplar no colégio. Sentava no fundão, bagunçava aos montes com meus amigos, odiava matérias exatas e passava de ano na recuperação. Não sou uma filha exemplar. De vez em sempre esqueço de fazer o que minha mãe me pede, discuto fácil com meus primos, não dou muita satisfação da minha vida amorosa ao meu pai. Como pessoa, também peco bastante. Sou briguenta, implicante, mal-criada, mandona e teimosa. Mas como é provado na teoria Yin-Yang, nada é totalmente ruim, assim como nada é totalmente bom. Lia muito no colégio, me dedicava às aulas de artes. Quando estou em dias bons, faço doces que qualquer um baba só de olhar. E sou uma palhaça, carinhosa e tenho senso de justiça. Se sou má? Não sei. Se sou boazinha? Definitivamente não, e isso não me impede de escrever meus sentimentos, erros e aventuras.

Texto para o TUDO DE BLOG da Revista Capricho

Nenhum comentário: