11 de ago de 2009

Quando eu era Criança

Eu ganhei uma tartaruga que nomeei de Filomena. Na verdade tartarugas nem eram um grande mistério pra mim, eu morava em frente à minha avó e foi do casal que ela possuia que saiu o ovo que gerou a Filó. Como toda criança de 8 anos, eu queria apertar, ninar, fazer carinho, vestir roupa de Barbie na bichinha e meu pai dizia que isso era tortura, afinal, bichos não são brinquedos... E quando eu paro pra pensar em como eu tentava passar a mão na cabeça dela e a pobre se escondia com medo da menina assustadora, dá dó [pior mesmo foi quando eu enrolei a cachorra da minha prima e saí pela rua dizendo que era meu bebe e todos acreditaram, mas isso é assunto pra outro post]. O caso foi que, como nós morávamos em uma casa com quintal pequeno, meu pai resolveu fazer a casinha no quintal, perto das azaléias. Eis que, dois dias depois ele surge com uma irritação super do nada "mas ela vai mofar se ficar aí, Julianna", "a bichinha é do tamanho de uma tampinha, vai gripar" e blablabla. Como eu só tinha oito anos e ainda achava que gotas de chuva eram o desinfetante de São Pedro, acreditei também na lorota do papai, mesmo algo estranho me pinicando por dentro e avisando que ele tava errado. Enfim, foi construído um loft pra dona Filó com um vaso de plantas, perto da nossa churrasqueira, na ardozia. Isso, você não leu errado, ardozia, aquele piso que quando bate sol queima pra caraleo. Então era uma vez uma tartaruga chama Filó, que num dia de sol foi frita pelo piso do seu próprio quintal e teve que aguentar sua dona chorando meses e fazendo enterros dignos nos canteiros das azaléias - onde a casa dela era pra ter ficado.

3 comentários:

Isaah Telles disse...

Uau! A Filó teve a mesma morte que a Jucelina, tartaruga do meu primo. Que Deus as tenham. Eu sempre amei bichinhos, mas nunca tive tartarugas. Sempre tive peixes e cachorros. Até hoje eu fico triste de lembrar do meu primeiro cachorrinho, ele tinha 10 meses quando morreu :/
Adorei o blog. Muito lindinho *-*
Beijos, Isaah

Milla disse...

eu tenho uma tartaruga que ganhei quando tinha 5 anos, e morria de medo que ela fosse frita em um chão muito quente xD

ri muito com seu texto e amei ele!

beijos

Adriano disse...

Ooo dó!
... mas loft é foda! xD
RIP Filó!
=)