29 de jun de 2009

Pela Biologia, Por Conta D'Ele.

Eu me lembro como se fosse ontem, meu primeiro dia de aula de Biologia no Ensino Médio: Nervosismo, já que todos estávamos acostumados com a bendita Ciência e tudo junto. Eis que surge a pessoa mais fantástica do meu currículo escolar: Prof. Mauro, logo falando que na aula dele "não se fala palavrão, p%¨%a" e quem quiser conversar paralelamente durante as explicações que "tente a sorte". Não só ele era o mais divertido como o único que conseguia prender minha atenção bem vaga ensinando Darwin e Células Tronco, mesmo sendo proibido falar sobre esses assuntos, já que o colégio que estávamos era religioso. Em três anos à fio ouvi vários discursos, ensinamentos, tirei dez consecutivos e aprendi a amar tanto essa matéria que é minha vida profissional hoje: A Biologia, que curso na minha faculdade com a esperança de um dia me tornar metade da professora e da amiga que o Mauro foi pra mim e todos os que procuravam aprender o que ele trasmitia.

5 comentários:

Joanna L!s disse...

Eu começo a estudar biologia ano que vem. Espero que tenha a sua sorte. Professores como esses a gente nunca esquece, não é? São, além de tudo, grandes amigos. E pelo jeito, você também terá sucesso. Boa sorte.

cla. disse...

Minha mãe é professora de biologia :~ (informação desnecessaria)

bonito o post *-*

Nicole disse...

nunca fui muito fã de biologia, embora meus professores dessa disciplina sempre fossem meio excêntricos, hehehe. :D

Nicole disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dani disse...

Meu professor de biologia do cursinho também era fantástico!
Adoorei o texto! :)


Bjs