29 de jul de 2007

Do encontro com o ex-amor da vida da menina

Um dia uma menina resolveu que ia amar. Essa menina era burra demais, vamos combinar. Fez tudo errado, e o máximo que conseguiu foi que o menino fugisse dela. A menina chorava, sofria, jurava que nunca mais ia amar o menino, mas sempre que ficava perto dele tremia, sentia o coração a mil, borboletas no estômago, etc e tal. Um dia o menino repetiu de ano, a menina perdeu contato e achou que tudo tinha acabado. Ocasionalmente, ela o encontrou na rua e teve todas as sensações novamente... Resolveu olhar o orkut dele e viu no status 'namorando'... Chorou, se descabelou, fez drama, jurou que nunca mais ia pensar nele. Dois anos se passaram e a menina amadureceu, arranjou outros namorados, gostou, deu fora, se recuperou. Eis que em uma tarde cinzenta de um sábado, ela se vê obrigada a ver o menino que dava calafrios nas suas costas de novo. O que aconteceria? Oh, céus... Ela nem queria pensar! Mas quando o menino apareceu, nem o coração acelerou, nem a perna ficou bamba, nem as borboletas voaram sobre sua barriga. Ela apenas olhou para ele como fita qualquer conhecido que encontra. E com o mesmo sentimento, virou as costas e foi embora. Finalmente tinha se curado da doença do primeiro amor, e agora tinha certeza disso. Estava orgulhosa de si mesma e agora sabia que podia remendar todo mal que fosse feito à ela. Até mesmo o mal do amor.


Os posts da categoria 'A Maravilhosa História...' não têm nada a ver com o mundo real. Qualquer semelhança é mera coincidência. ;]

Um comentário:

Leila disse...

Esquecer amores platônicos é tão difícil :x eu ficava aaaanos remoendo coisas, fantasiando encontros!
patêtico da minha parte ahahahah

:*